sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Sexta-feira é um dia lindo!

por Eddie Van Feu

Hoje é um bom pra gente lembrar que bom é ser livre! Também é bom pra lembrar que é bom demais ter alguém ao seu lado e que um amor de verdade requer liberdade, palavra da qual jamais podemos nos afastar. Como lobos, andamos juntos, dividimos o que conquistamos e defendemos os que estão conosco. Mas corremos livres por aí, confiantes nos lobos da nossa matilha. Uma grande sexta-feira pra você!

Agora, mergulhe nesse clip lindo que o amigo lupino Helder mandou! Espero que inspire você tanto quanto inspirou a mim!

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

OS CAÇA-FANTASMAS... nos anos 50?

por Renato Rodrigues

E o novo filme dos Caça-Fantasmas, como anda? O diretor Harold Ramis (que faz o Egon Spengler) disse que só falta um bom roteiro pra fechar o negócio.

E acrescentou "Bill Murray disse que quer fazer. Ernie Hudson é certeza. Quase todo mundo disse que volta. Rick Moranis está afastado da indústria há alguns anos. Tudo vai depender da qualidade. Não queremos destruir uma franquia que todos amam com uma sequência ruim".

Enquanto rolam as tentativas de produzir o terceiro Caça-Fantasmas, um fã pirado imaginou como seria o filme se fosse feito em 1954 (ou seja, 30 anos antes do original de 84).

Spooooky...

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

A ÓPERA DO MALANDRO

Alcatéia também é cultura! E como estamos no Mês do Cachorro Louco, trazemos um legítimo cão-tor de ópera, que veio aqui só pra lembrar que no site Alcatéia, você pode comprar todos os livros da Editora Linhas Tortas com frete grátis!



Aproveite a promoção Mês do Cachorro Louco e leve Alcatéia - Prateada pra casa. Ela vai de banho tomado e vacinada.

Peça aqui linhastortas@alcateia.com ou pelo tel. (21)3872-4971.

domingo, 16 de agosto de 2009

LIBERDAAADEEE!!!!!



Hoje é domingo, pé de cachimbo. O cachimbo é de ouro, mas já tá empenhado. O domingo acabou e foi uma delícia de domingo, mesmo com uns espirros explosivos. Pena que a segunda já está aí, pronta pra nos lembrar do dever de casa, do trabalho, das contas e todas as coisas chatas que impedem que todo dia seja domingo. Mas quer saber mesmo? Todo dia pode ser tão especial quanto um domingo. É só você fazer acontecer! Mesmo com nossos compromissos, e que bom que nós os temos, podemos fazer uma coisa gostosa a cada dia, lembrar a cada minuto que é muito bom estar vivo, um tremendo privilégio! A maioria de nós só não faz isso por que se deixou aprisionar pela rotina e acabou decorando um monte de desculpas para não fazer determinadas coisas. Que tal começar sua segunda-feira de um jeito diferente? Pra começar, escolha uma roupa bonita pra ir ao trabalho, ou faça um penteado diferente. Escolha um bom livro que lhe faça companhia no metrô e no ônibus (e o preserve de certas conversas no trabalho que não vão a lugar nenhum... Diga que está estudando pra uma prova pra Nasa). Escolha algo para fazer que lhe dê uma inspiração! Pode ser um café especial naquele lugar que você ama, ou um almoço com sua comida favorita. Se não deu, fique com seu doce favorito e se der, alugue um filme (se comprar no camelô, vou fingir que não te conheço!) maneiro e chame alguém legal pra ver com você! Aproveite sua segunda! Ela é especial também! Que nem você!

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

IÔÔÔÔ, JOOOOE!!!!

por Eddie Van Feu


G.I Joe estréia e depois de duas horas dentro de um cinema ouvindo gritos e explosões, eu precisava dividir essa experiência com você.

"Não vou dizer que foi ruim, também não foi tão bom assim...". G.I. Joe é um típico filme "É massa, véio!", expressão que nossos amigos do Site Melhores do Mundo criaram e que resume boa parte dos filmes produzidos para matar, quer dizer, para vender. São duas horas de entretenimento pra quem gosta de explosões, violência e um monte de mentira. Mas também! O filme é baseado no desenho domingueiro dos anos 80/90Comandos em Ação que passava logo depois dos Transformers. Nenhum dos dois tinha grande apreço pelo roteiro, mas ambos contavam com personagens maneiros.

No desenho, uma equipe paramilitar altamente mega super tenta deter os igualmente mega super ultra Cobras, um grupo terrorista que queria dominar o mundo, geralmente através de um plano que não fazia muito sentido. Um longa do desenho foi feito, explicando a origem do mega vilão Cobra, e eu lembro que era bom. Não lembro de mais nada...

No desenho tinha um monte de gente! Veja se você encontra o Wally!

No filme, os personagens são respeitados e podemos rever com alegria alguns dos nossos amigos e até conhecer um pouco de seu passado (e entender como chegaram a isso). No desenhos, combatíamos ao lado de Duke, Lady Jane, Bazooka, Dusty, Scarlett, Flint, Gung-Ho, Espírito, Hawk, Wild Bill, Law, Beach Head, Falcão, Roadblock, Leatherneck, Cutter, Snake Eyes, Footloose, Sparks, Quick Kick, Deep Six, Mutt, Sargento Slaughter, Heavy Metal, Jinx, Mercenário, Short Fuze, Zap. Também aparecem: Ace, Airborne, Airtight, Alpine, Barbeque, Big Lob, Blowtorch, Breaker, Chukles, Clutch, Dial Tone, Doc, Flash, Frostbite, Grunt, Iceberg, Lifeline, Lift Ticket, Recondo, Red Dog, Rip Cord, Rock n´Roll, Slipstream, Stalker, Steeler, Taurus, Thunder, Stoolboth, Torpedo, Tripwire e Tunnel Rat. Do lado dos vilões, tínhamos o maluco do Cobra e os guerreiros de sua organização, Destro, Baronesa, Serpentor, Dr. Mindbender, Major Bludd, Ripper, Tomax, Copperhead, Buzzer, Scrap Iron, Caveira, Monkeywrench, Storm Shadow, Pythona, Xamot, Zandar, Firefly, Wild Wiesel, Golobulus, Zarana, Nemesis Enforcer, Thrasher.


Tinha menos gente no filme, mas não tinha paraquedas caindo de avião explodido.

Antes que você sequer pense que isso saiu da minha memória, vou acabar com suas ilusões e dizer que catei as informações de um bom site sobre o tema, o InfanTV, que merece a visita de um bom fã. Lá você encontra também a lista de dubladores originais e da versão brasileira.

Voltando ao filme, o roteiro é bem amarrado e muito menos simplista do que eu poderia esperar de um filme baseado num desenho baseado numa propaganda baseada num brinquedo. Os pontos de virada convencem, os flashbacks explicam, os efeitos visuais confundem, mas divertem. Na verdade, a gente tem sensação de ficar naqueles brinquedos de parque de diversão que rodam e sacodem e você fica vendo todas aquelas luzes piscando achando o maior barato. E é o maior barato. Pelos primeiros 15 minutos. Depois de duas horas, você só que que aquilo acabe, pois você está tonto e acha que o cachorro-quente que comeu antes começou a latir.

A Baronesa me inspirou a aumentar a intensidade na academia. E confirmou que as mulheres de cabelo preto são sempre muito más!

O elenco tem boas surpresas, como o Adewale Akinnuoye-Agbaje (Adebise em Oz, um dos vilões em A Múmia 2 e um dos perdidos de Lost que enfrentou o Lostzila) e as belas e maravilhosas Sienna Miller e Rachel Nichols (Baronesa e Scarlett, respectivamente), que vendem muito bem o seu peixe. O pecado ficou por conta da escolha do Duke, que deveria ser o militar durão de meia idade e virou um soldado insosso na pele de Channing Tatum, que estava excepcionalmente ruim no filme. A gente ainda aproveita pra curtir aparições especiais como Brendon Fraser e Arnold Vosloo, de A Múmia, fazendo um mimo para o diretor do mesmo.

Bom, é isso aí! É maneiro! É legal! É confuso! É cansativo! É massa, véio! A

P.S.1: Ah, eu não poderia terminar essa matéria sem protestar sobre a falta da música tema do desenho que não tocou nem dos créditos. Renato não me deixaria dormir se eu não registrasse isso. Pra você não ficar triste, taí a abertura pra matar as saudades de um tempo em que um grupo terrorista era só um bando de personagens de desenho animado que nunca conseguia o que queria.

P.S.2: Faltou homens bonitos nesse filme... Acho que eles não acreditaram que alguma mulher ia vê-lo... Mas deveriam ao menos ter alguma consideração com os gays!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Proteja-se!



Quando escrevi Alcatéia, as pessoas que leram ficaram meio chocadas pela violência. Eu achei normal. Quando escrevi Uma Guerra de Luz e Sombras, as pessoas que leram, ficaram horrorizadas, mas não podiam esperar pelo próximo capítulo. A violência de Luz e Sombras é realmente pesada, então não me espantou. Mas a violência de Alcatéia... Eu achei tão normal! Quer dizer, eu fui criada vendo Escrava Isaura e Spartacus, então ver um garoto ser vítima de bullying era relativamente "light" (ao menos, ele não era crucificado de cabeça pra baixo). Philippe não tem uma vida fácil. Mas, sinceramente, quem tem? Você aí? Alguma vez você já foi perseguido por gente que queria tirar vantagem? Ou por alguém que simplesmente não foi com a sua cara? Se você nunca esteve nesse papel "philippiano", você tem sorte! Se alguém está sofrendo por causa do Philippe, eu aviso que as coisas vão melhorar pra ele (antes de piorar de novo).

Pensando no Philippe, fiquei pensando também na violência que todo mundo sofre, mais cedo ou mais tarde. A violência contra nosso mestiço é física e verbal. Mas a maioria de nós sofre um tipo de violência mais perigosa. Philippe sabe muito bem quem são seus inimigos. Nós, nem sempre. Muita gente se disfarça de aliado, diz que é seu amigo e te manipula para que você seja controlado. O pior é que a pessoa que se acostuma a fazer isso faz com todo mundo. Pais, filhos, esposas, maridos, ninguém é poupado de um manipulador que fará qualquer coisa para ter o poder sobre os outros e suas vontades atendidas. Não permita isso, jamais, mesmo que a pessoa surte. Sim, esse tipo de pessoa perigosa tende a surtar quando seu jogo não funciona. Seu ego infla e ela se volta contra o outro, implacavelmente, agindo por todos os meios até ter sua vontade satisfeita ou ver o outro no chão. Há pessoas assim em toda parte, em todo lugar e ainda estou aprendendo a reconhecê-las (sim, elas podem enganar até boas bruxas). Para se proteger de gente assim, procure tomar banhos e fazer conexões com seus mentores e guardiões. Eles procurarão te avisar quando as cobras estiverem se aproximando dos seus pés. Isso me inspirou a fazer um talismã especial para dar de brinde em Alcatéia nesse mês do Cachorro Louco. É uma medalha com a Cruz de São Bento, excelente para exorcismos e proteção contra tudo o que for negativo, seja invisível, seja visível. Afinal, espírito de porco é o que mais tem por aí, e todos muito vivos. Vivos demais, até...

Leia mais sobre dicas para se proteger nessa matéria completa clicando aqui! Para aproveitar a Promoção do Mês do Cachorro Louco, levar sua Alcatéia pra casa autografada por R$46,00 (ao invés de R$58,00), com frete grátis e ainda ganhar a medalha da Cruz de São Bento devidamente ritualizada, é só fazer seu pedido por telefone: (21)3872-4971 ou por e-mail: linhastortas@alcateia.com

sábado, 8 de agosto de 2009

Nem tudo é o que parece

Já pensou se a gente soubesse tudo? Tudo mesmo, sem exceção? O mundo seria mais simples, mas seria muito chato também. O legal é a gente não saber nada, mas tentar descobrir. Pior mesmo é quando a gente tem certeza que sabe e não tem margem de dúvidas... Tá cheio de gente que sabe tuuuudo por aí, gente que não precisa saber mais nada e se souber mais alguma coisa, vai explodir! Bom, isso foi só pra você meditar e refletir e, principalmente, pra eu poder colocar essa piada visual sobre julgamentos precipitados aqui! Um ótimo domingo e divirta-se muito, sabendo pouco ou sabendo muito!
video

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

VOCÊ É UM MÉDICO OU UM RATO?

Essa notícia é de quadrinhos mas tem tudo a ver com TV e Cinema. Afinal reúne o Mickey e o House no mesmo balaio. Já está nas bancas Mickey # 803, da Editora Abril, trazendo Dr. Mouse uma sátira da série House (claro). Este número traz os primeiros dois capítulos (são quatro ao todo).

Na HQ escrita por Fausto Vitaliano, com desenhos de Alessandro Perina e ainda inédita fora da Itália, Mickey, Pateta, Minnie, Clarabela e Horácio interpretam os principais personagens da equipe médica.


Eu já comprei e devorei a minha, tá muito divertida! Me lembrou as inspiradas versões da MAD.

No próximo mês, Mickey # 804 trará as duas últimas partes de Dr. Mouse. Ambos os gibis têm 48 páginas e preço tá na manteiga: Apenas R$ 2,95.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

EU USO ÓOOCULOS!

Como estamos no Mês do Cachorro Louco, lá vai uma notícia temática: É a história de Fei Fei, um pastor alemão que mora na província chinesa de Sichuan. Fei fei não sai de casa sem os óculos escuros! Tudo começou de brincadeira quando o dono do cão pôs os óculos mas agora virou hábito. O peludo gostou, aprovou e não sai mais de casa sem!
"Eu pensei que o sol forte que temos aqui no verão não seria bom para os olhos dele. Mas agora, se eu não ponho os óculos escuros em Fei Fei antes de sair, ele se recusa a ir para a rua", contou o chinês a um jornal local. O cão ainda ajuda a recolher garrafas plásticas das ruas de Chongqing.

Aí, na boa: O malandro deve estar usando esses óculos pra não ser reconhecido. Se tu fosse cachorro, correndo o risco de ir pra panela todo dia na China, tu também não usava?

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

LOBOTECA: Que livro você é?

por Eddie Van Feu


Nesse friozinho, uma boa pedida é um bom filme com pipoca quentinha e um bom livro debaixo das cobertas. As pessoas se acostumaram com o hábito de comprar como loucas e esquecem dessas pequenas coisas que alimentam a alma. Como canjica quentinha! Um café com leite e pão de queijo num lanchinho com quem se gosta também nos leva ao céu. Mas se você quer mesmo viajar além de qualquer coisa, tá na hora de ler. Costumamos dizer que somos o que comemos, mas também somos o que lemos, o que assimilamos. Escolha com carinho sua leitura, seja por prazer ou para se aprimorar. Tenha em mente que os livros e autores que você escolher farão parte de você a partir do momento em que abrirem suas portas e você decidir cruzá-las.

Tenho passado muito tempo em três mundos atualmente. Nas terras de fadas e lobos de Alcatéia, no sombrio mundo de Uma Guerra de Luz e Sombras e na Idade Média, cavalgando entre os cavaleiros e heróis, tema da próxima Wicca. No final do dia, estou exausta, como se tivesse percorrido todas essas distâncias à pé. Exausta, mas feliz, pois sei que esses lugares me tornaram muito melhor. Espero que eles façam o mesmo por quem visitá-los, depois que eu colocá-los no mundo.

A seguir, curta essa brincadeira-jabá da Editora Abril e faça o teste para saber que livro você é. Pra quem é curioso, eu fiz o teste. Segundo ele, eu sou o livro "Doidas e santas", de Martha Medeiros. Bom, de doida e de santa, todo mundo tem um pouco. Eu só devo ter um pouco mais... Divirta-se!

FAÇA O TESTE!

domingo, 2 de agosto de 2009

CAIPIRA POPEIRO!

por Renato Rodrigues

Essa foi boa! A revista "Viva", distribuída a professores da rede pública pela Secretaria de Educação da Bahia, contém uma tira em que o Chico Bento, num diálogo adulterado, usa linguagem chula. Primeiro, um menino fala: "Meu pai tem 800 cabeças de gado". E Chico Bento responde: "Fala para ele enfiar tudo no %$#".

O secretário de educação, Adeum Sauer, afirma que o "erro" foi cometido pela diagramadora (é sempre culpa do diagramador!) da revista, uma funcionária terceirizada. Erro? Pô, ela fez de sacanagem, fala sério! Ou queria ser mandada embora ou é da oposição!

O fato até é lamentával, mas uma coisa é certa... eu ri muito mais com a adulteração idiota do que com a piada original!