quinta-feira, 16 de agosto de 2012

MENSAGEM DOS DRAGÕES



Bem Vindos Sejam!

Falar sobre a espiritualidade é falar sobre vida, a energia da Fraternidade Branca é prática, rápida e efetiva. Mas tudo no caminho espiritual deve ser acompanhado com uma mudança interna, não adianta acender uma vela se interiormente você não ascendeu sua luz.
Hoje, iremos divulgar uma mensagem canalizada por uma Brasileira, residente em Portugal. A entidade que passa a mensagem é um Dragão Vermelho Rubi, quem já teve a maravilhosa oportunidade de ter os conselhos de um dragão, sabe o quanto eles são diretos e sábios.
Senti um ímpeto especial de compartilhar essa mensagem, pois sei que grande parte do público do Alcateia é atraído pela energia dos Dragões, isso se deve ao chamado e a abertura que a Eddie também realizou no Brasil, sendo a pioneira na expansão desta energia.
Muitos não sabem, mas os Dragões fazem parte da Fraternidade Branca Universal.
Confiram a mensagem.

Shalom!

MENSAGEM DO DRAGÃO VERMELHO  
"Queridos Amigos,

Eu Sou Dragão Vermelho Rubi cujas Asas Abertas Cobrem todo o Céu,

Venho honrar esta irmã e todos os que têm assistido ao plano conjunto de libertação do Planeta Terra, do qual todos fazem parte.
A mensagem que se segue, devem compreendê-la e espalhá-la sem medo aos vossos irmãos no vosso dia a dia.

Quando falam em Amor, costumam dizer que "não me interessa de onde vens, interessa-me quem sois agora".
Pois bem, com muito Amor, vimos dizer-vos que independentemente da vossa origem estelar, são todos humanos em pé de igualdade. (pausa)

E os humanos canalizam muitos seres de outras raças, mas continuam a ser humanos. É necessário estarem no Amor neutro para serem assistidos pelos planos Arcangelicais, por exemplo. Pois essa é uma característica da sua raça. Mas quando tentam ser igual a eles,estão a demonstrar uma grande falta de amor próprio e culpabilidade pela vossa raça, ao mesmo tempo que demonstram ambição em quererem ser o que não são. (pausa).

Nunca aconteceu, numa canalização real um Anjo ou Arcanjo dizer que devem ser como eles e seguirem o seu exemplo, pois não? As mensagens destes seres são de um profundo Respeito e Amor pela vossa raça.

No filme Senhor dos Anéis, foi necessário a Aragorn curar as feridas da culpabilidade e assumir o seu poder para o reino ser salvo das trevas. (pausa) A sua missão não foi ficar em contemplação com os elfos.

Já ouviram falar do agora?
Trabalhem no agora. Não de onde vieram, ou para onde vão (a ascensão). Foquem-se no agora. (pausa)

Paradoxo. Muitos humanos, na sua falta de humildade, acreditam que aprendem conceitos sagrados porque aprendem a dizer as palavras. Como crianças que não sabem ler mas repetem o que os pais leram enquanto olham para um livro a fingir que estão a ler. (pausa)

Sombra e luz não são a mesma coisa. Se fossem, teriam o mesmo nome, e não têm. Dualidade implica que existem duas coisas, não uma.
Para integrar duas coisas tenho de as ver em separado primeiro. Um profissional químico da vossa Terra explicaria bem isto...
Para fazer o verde, junto azul e amarelo. E o verde são estas duas cores. Mas se digo que o amarelo e o azul são a mesma cor, tal não é verdade. (pausa)

Focar no coração e não na mente não implica abdicar da capacidade de pensar, da inteligência que Deus vos Deu. Colocar a inteligência ao serviço do coração não é excluir uma em prol da outra.

Discernimento. Trabalhem o discernimento. 

Na Mensagem partilhada aqui "O Casamento entre o Céu e a Terra", foi-vos passado que ser-se índio não é só tocar-se tambor. Com o filme do Avatar isto tornou-se mais claro para vocês- imitar hábitos não significa nada, é necessário viver no mais íntimo do nosso ser, na Alma e Coração para serem verdadeiros, e apenas aí há uma mudança de consciência. Nesta mensagem, falamos também da necessidade de trabalharem a irmandade,de se unirem numa rede luminosa. Também no filme Avatar, se assiste a este processo quando o herói se torna um dos do Povo, ritual em que todos se ligam em rede, colocando as mãos uns nos outros. Todos neste Povo respeitam o caminho individual de cada um. Mas quando há uma ameaça ao Povo no seu todo, ou quando um irmão está em perigo, a responsabilidade é de todos. Todos lutam, sagradamente, não por serem violentos, mas porque assumem a responsabilidade de defenderem o que é seu- o seu território. Têm uma mensagem aqui, da Dragão Branca, que fala disso mesmo- do território e do sacrifício de muitos por um Bem Maior. 

Não se iludam. Não há espaços vazios. Se os que se auto- intitulam da Luz não assumem o seu Poder na Terra, enquanto humanos com capacidade de escolher e discernir sobre o que desejam que se perpetue na Terra ou não, vai haver quem o faça. Deus fez-vos Deuses. Deus deu a partes divinas dele um planeta para cuidarem dele.

O maior crime da Nova Era é a transformação da responsabilidade pessoal em NADA. Entregar tudo a Deus, não significa o que muitos pensam. Falamos em crime pois muitos crimes se perpetuam graças à não acção. E se querem sentir-se culpados, sintam-se pelos motivos certos. Por todas as vezes em que podiam ter feito alguma coisa e nada fizeram pois a responsabilidade não é vossa. Então é de quem? Todos somos responsáveis por uns metros quadrados deste planeta e pelas suas crias e espécies. 

Cada um atrai os processos que necessita para a sua vida. Muito bem. Vemos muitos a serem tolerantes e compassivos com a maldade e não com as vítimas destas entidades. E isso não é neutralidade. Cuidado. Muito cuidado. A vossa ignorância não é desculpa. Pensem por vocês. A maldade não é bondade. Se se deixarem manipular, a responsabilidade é vossa. E terá consequências. O tempo da Verdade está a acontecer. Estarem no meio pelo sim pelo não, por medo de escolherem "mal" não é mais opção. O meio também é um lado. O meio não é fusão nem integração da dualidade. Para unir, temos de nos ligar às duas partes. Estar no meio é estar em lado nenhum. O meio não une nada. Assiste, é espectador. Já na Bíblia encontram "dêem-me o quente ou o frio porque o morno eu o vomitarei". 

Perdoarem nesta vida, sem sentirem o mal que alguém vos fez, não é perdoar- é ignorar, fazer de conta que não doeu. Isso não é nada. Mergulhem na dor, tragam-na à tona e curem-na. Feridas profundas jamais se curarão com superficialidade de sentimentos, de coração. A sombra está escondida, temos de ir em sua busca. Podemos perdoar e temos o direito de não querer mais relacionarmo-nos com a pessoa que perdoamos, é um direito, e em alguns casos, até um dever pelo respeito por nós mesmos.

Desde o final do ano passado(refere-se a 2010) que muitos Dragões da Terra foram resgatados e podemos agora unir-nos a vocês de forma mais segura e poderosa. Obrigado por todos os que resgataram. Uns partiram, outros estão na Vossa Dimensão para trabalharem em conjunto convosco nos trabalhos que se seguem. Este reencontro é muito importante,especial e comovedor para todos nós.

LUZ NAS VOSSAS MENTES"



Até a próxima quinta!
Shalom!